divórcio, separação, filhos, apoio emocional
 
InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se    

Compartilhe | 
 

 O Dia "D"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte
AutorMensagem
Rocana
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Sex Fev 11, 2011 1:15 pm

É verdade o que dizes. Nem consigo imaginar isso. Deve ser muito difícil, de quinze em quinze dias. No entanto há um facto que omiti, acho que ainda não estou a conseguir encarar bem isto: o meu ex tem mais dois filhos, pequenos, uma menina de sete, um menino de seis que vivem com ele (e viveram conmosco no mesmo regime: semanal). Conheço-os desde pequeninos, ela tinha dois e ele um ano. Estou com eles às vezes, aos bocadinhos, até posso ficar com eles mais tempo, o meu ex até agora não impede. Eu era a mãe nº 2 deles. Sei que eles gostam muito de mim, que sabem que eu gosto muito deles. SEi que se estão a adaptar bem mas... caramba... isto dói muito, este falhanço. Éramos cinco. Agora somos só dois, eu e o meu filho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pedro_1975
.
.
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 330
Data de inscrição : 26/07/2010

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Sex Fev 11, 2011 4:00 pm

Rocana escreveu:
Obrigada Pedro!
...Eu sei que vou conseguir, aliás, vamos todos conseguir ser mais felizes, mas é preciso dar tempo ao tempo... e ser positivo, claro.

Adorei esta frase! Resume a única atitude que nos levará a bom porto!
Voltar ao Topo Ir em baixo
someonelikeme
.
.
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 21
Data de inscrição : 31/01/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Sex Fev 11, 2011 4:13 pm

O meu dia "D" foi a 28/1/2011 e foi posso dizer um dia "normal", no fundo eu já estava separado há ano e meio por isso ia apenas assinar um papel que ia modificar o meu estado civil. Passei a ser Div lol!
conversamos um pouco um com o outro, acerca das nossas filhas, e pouco mais e saímos cada um para o seu lado depois de assinar os papéis.
Não posso dizer que continuamos amigos, pois eu já fui o melhor amigo da minha ex, e também não posso dizer que a considere uma amiga. Perdoar certas coisas é difícil... por isso penso nela como a mãe das minhas filhas, embora lhe deseje toda a sorte do mundo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rocana
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Sex Fev 11, 2011 4:39 pm

É preciso também perdoarmo-nos a nós próprios. Talvez isto seja o primeiro passo para se conseguir ficar em paz. Perdoarmo-nos nem que seja por termos permitido que alguém não tenha sido correcto connosco.
Eu sei que é fácil dizer... fazer é que é difícil.
Voltar ao Topo Ir em baixo
CM
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 491
Data de inscrição : 23/08/2008

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Sex Fev 11, 2011 6:12 pm

Os meus dias “D”…
No meu caso nunca considerei que houvesse apenas UM dia “D”!
Aquele a que posso chamar o 1º Dia “D” foi, algures em Abril de 2008, quando o mais inesperadamente possível lhe comuniquei que queria o divórcio, de forma brusca e decidida! Não, por haver terceiras pessoas envolvidas (de nenhum dos lados), mas porque simplesmente concluí que por várias razões o nosso casamento tinha chegado ao fim.
Esse dia gerou um misto de sentimentos, mágoas e culpas. Foi o dia em que a dor que eu senti era quase tão grande como o sofrimento que lhe causei.
Durante quase 1 ano e meio vivemos na mesma casa, em divisões diferentes, fazendo cada um a sua vida. Qualquer acordo que eu lhe propunha ele rejeitava e teimava em dificultar-me a vida o mais possível. O respeito e carinho que durante 15 anos predominaram na nossa relação, nesse curto espaço de tempo, transformaram-se em raiva e desrespeito, apesar de tentarmos co-habitar o mais civilizadamente possível.
O 2º Dia “D” deu-se no dia 3 de Junho de 2009, quase um ano e meio depois. Saímos ambos da mesma casa em carros diferentes dirigindo-nos à mesma conservatória. Esperámos pela nossa vez, e até parecíamos um casal normal, conversávamos e até sorriamos mas não sem um certo cinismo. Entregámos os papéis e mandaram-nos voltar de tarde. Cada um partiu no seu carro para o seu destino.
Eu fui às compras (coisa de gaja!), comprar roupa bonita, algo que me levantasse o ego!
À hora marcada lá estávamos. Quando finalmente entrámos e a conservadora nos leu aquela parte se queríamos prescindir do tempo de reflexão, quase gritámos SIM em uníssono. A minha única preocupação era “livrar-me” daquele “apêndice” no nome que no fundo nunca tinha usado. Saímos de lá sabendo que à noite íamo-nos encontrar na mesma casa!
Saí de lá com um sentimento misto de felicidade, de alívio, de apreensão e de tristeza. Fui ao cabeleireiro, fizeram-me um penteado em que me apanharam o cabelo (lol os únicos dias em que apanhei o cabelo foi no dia do casamento e no dia do divórcio) e fui para um evento, um lançamento de um livro chamado “Vai valer a pena” e que retrata precisamente a problemática do divórcio (já agora recomendo!).
Depois disso fui para casa, ele já dormia no quarto dele….. afinal o que tinha o dia “D” mudado? Apenas o estado civil?
Por fim, aquilo que talvez no meu caso tenha sido o dia “D” definitivo, deu-se dia 28 de Agosto 2009, dia da escritura da casa. Nesse dia finalmente a casa passou a ser minha! No entanto, ele não deixou passar a oportunidade, de mais uma vez, me dificultar tanto as coisas que a escritura acabou por demorar 4h (só para me recordar novamente que aquele feitiozinho tinha sido uma das razões do divórcio). Mas finalmente nesse dia, as chaves passaram para a minha mão e ele, bem como as coisas dele passaram a estar fora da MINHA Casa!
E nessa altura sim! Eu respirei fundo e a calma instalou-se…. Durante algum tempo!
No entanto, depois deste tempo todo ainda continuo à procura do meu caminho…..
Voltar ao Topo Ir em baixo
cjcmatos
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 195
Data de inscrição : 06/12/2009

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Sab Fev 12, 2011 11:57 am

CM

Estás no teu caminho... Todos nós estamos a percorrer o nosso caminho. Se calhar não é o que imaginaste. Mas neste momento... é o teu. Assim como o meu é só meu. Seja como for, procuras o mesmo que todos nós aqui: ser feliz. E isso dá muito trabalho! Mas sozinhos ou acompanhados, temos que tentar! Sempre!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pedro_1975
.
.
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 330
Data de inscrição : 26/07/2010

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Dom Fev 13, 2011 12:41 pm

Tomem lá para animar o dia D

[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Voltar ao Topo Ir em baixo
CM
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 491
Data de inscrição : 23/08/2008

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Dom Fev 13, 2011 1:40 pm

lol! cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
CM
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 491
Data de inscrição : 23/08/2008

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Dom Fev 13, 2011 1:42 pm

Sim cj tens razão, não era propriamente este que eu pensaria ser o meu caminho. Mas agora há que segui-lo e quem sabe se um dia eu efectivamente encontrarei a felicidade Smile
Obrigada.
Voltar ao Topo Ir em baixo
cjcmatos
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 195
Data de inscrição : 06/12/2009

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Dom Fev 13, 2011 2:23 pm

Nenhum de nós pensou que o nosso caminho passasse por aqui. Nem sequer por este Fórum. Mas... se calhar estamos todos exactamente onde deveríamos estar. A aprender! Ainda que a dor seja a de cada um de nós, parece-me que existe um lugar comum, que aparece nas experiências e nas questões aqui colocadas!

Estamos todos no mesmo barco...

Só a título de curiosidade, todos os anos se casam 40 mil pessoas e divorciam-se 26 mil... 50%... (Ouvi esta semana uma estatística)!
Voltar ao Topo Ir em baixo
browneyed girl
.
.


Feminino
Número de Mensagens : 1660
Data de inscrição : 28/10/2008

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Seg Fev 14, 2011 4:53 am

Aproveitem muito bem esses momentos de alegria/leveza/alívio ... são preciosos e vão fazer falta mais à frente.

A mim fizeram!
Mais à frente há tempos duros ... e a memória de dias em que fomos felizes, sozinhos, por nós e só por nós, vai ajudar naqueles dias que parece que falta ... alguém!

É que de facto ... para estar bem não é preciso alguém ... nós bastamos. Mas há dias em que nos esquecemos disso ;-)

As maiores das felicidades ... a todos!
BG
Voltar ao Topo Ir em baixo
CM
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 491
Data de inscrição : 23/08/2008

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Seg Fev 14, 2011 5:19 am

Obrigada a todos pelo apoio. Pois efectivamente após estes quase 3 não tem sido fácil, e ainda não o é! Mas estou convicta em que chegará o momento em que tudo melhorará substancialmente, e eu vou poder olhar para trás como uma recordação e seguir em frente em direcção ao futuro com esperança Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rocana
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Ter Fev 15, 2011 4:43 am

Às vezes focamos demasiado a nossa atenção naquilo que não temos, em vez de estar atentos ao que já temos. Quando nos separamos, focamos naquele que nos preencheu e que agora nos falta. A felicidade: pensamos na felicidade que não temos. Ajuda pensar na felicidade que já temos. E se prestarmos bem atenção... todos nós temos pequenas grandes coisas na nossa vida em que nos podemos apoiar. Concentremo-nos nisso.
Um grande abraço a todos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
zaíra2
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 26
Data de inscrição : 13/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Ter Fev 15, 2011 6:49 am

Muito bem expressado, Rocana!
O problema maior é que focamos só em quem nos deixou e ficamos a nos martirizar sobre o que ele está fazendo, será que está com a outra, se está feliz e nos esquecemos de nós. De mim eu sei que estou sofrendo muito, tem dias que me sinto aliviada, tem dias que sinto que vou morrer de tristeza.Meu divórcio saiu há uma semana e aqui no Brasil é tudo muito rápido, se pede o divórcio junto à separação quando é tudo amigável.Sai tudo no mesmo dia.Quanto aos filhos não tenho nem palavras pra dizer o tamanho da dor...deles e minha...Mas concordo com a Rocana e tem me ajudado muito lembrar do que eu tenho e de quem eu sou. Outra coisa é que quando as lembranças dos momentos bons que eu vivi com ele se aproximam eu logo penso nas traições e enganos que ele fez, ajuda e muito!Pelo menos agora...Beijos a todos e força!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rocana
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 5:06 am

Zaira2,
andamos aos altos e baixos, não é? Quando estamos bem dizemos: pronto, já passou, estou a conseguir, agora é que é! Depois, à mínima «interferência», vamos abaixo outra vez e ficamos assustados, porque reconhecemos que a dor ainda está cá dentro. A vida é mesmo assim, com divórcio ou sem divórcio, feita de altos e baixos. Como estamos a passar por uma fase em que nos encontramos mais sensíveis, dramatizamos mais, estamos sempre a pensar na ferida (imagina, se fizeres um pequeno corte num dedo, dói muito mais se pensares nisso e passa quando prestas atenção a outra coisa). Temos que cuidar da ferida, sim, mas também dar-lhe tempo para ela sarar.
Eu também me sinto um pouco assim como tu, quando falas do que sentes quando te lembras dos momentos bons e logo a seguir pensas nos maus. Uma pessoa até parece que dá em doida!.. O que eu gostaria era de atingir um ponto em que as lembranças do passado (boas ou más) já não influenciassem tanto o que eu sou e sinto neste momento. No fundo, libertar-me desta dependência emocional, seguir em frente, descobrir-me outra vez e desfrutar muito desta experiência maravilhosa que é ser mãe. bjos para esse lado do atlântico!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rocana
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 5:12 am

Já agora e, para não fugir ao tópico, para mim, a tal «interferência» de que falo na mensagem anterior, foi exactamente o «Dia D». Já me tinha separado há três meses, pensava que já estava no bom caminho, o da libertação. o Dia «D» estragou tudo. Ainda bem que hoje em dia, estes processos são rápidos, no caso do divórcio amigável. Não sei como seria se tivesse que dizer o «sim», neste caso o «não», depois de um ano, por exemplo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
cjcmatos
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 195
Data de inscrição : 06/12/2009

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 5:15 am

Rocana

Concordo contigo. Quando me divorciei já estava separada há 4 meses. E o dia D foi um retroceder de emoções e sentimentos. Na verdade, acho que o caminho para a minha "recuperação" iniciou-se no dia imediatamente a seguir ao Divórcio.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rocana
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 5:40 am

Que seja, então, sempre a subir... sem medo de cair!
Voltar ao Topo Ir em baixo
zaíra2
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 26
Data de inscrição : 13/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 6:52 am

Será que os sentimentos são assim todos iguais, pra todo mundo?Puxa vida, parece que estamos falando todos das mesmas pessoas...O bom é que quem está mais a frente pode nos dizer o quanto é bom se sentir livre, independente destas emoções que nos martirizam!
Voltar ao Topo Ir em baixo
cjcmatos
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 195
Data de inscrição : 06/12/2009

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 6:54 am

Eu anseio pelo dia da minha liberdade Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
zaíra2
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 26
Data de inscrição : 13/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 7:07 am

Eu acredito que este dia virá,cjcmatos, com certeza virá!
Voltar ao Topo Ir em baixo
cjcmatos
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 195
Data de inscrição : 06/12/2009

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 7:19 am

Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
browneyed girl
.
.


Feminino
Número de Mensagens : 1660
Data de inscrição : 28/10/2008

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 7:55 am

Eu percebo-vos. Mas não é por aí ;-)

Há que pôr a coisa em perspectiva. Vê-la no tempo. E com a vivência do tempo vem a sabedoria e a sensatez de termos vivido. Há que viver hoje. Com esperança mas sem expectativas. Libertos do ontem e confiantes num futuro ... que se constrói ... hoje. De alma serena e calcanhares muito bem fincados no chão ... mesmo quando corremos para o que nos faz feliz, hoje.

Deixo um poema que trago sempre comigo.
Cada vez que o leio sinto-me ... "rica".
Põe o meu ego no lugar.
Sempre.
Hope Never Dies

<BLOCKQUOTE>The old lady is sitting on the road alone
Watching people go by
They carry with them bags of memories
Of pain n laughter and a time, that will never die.

Strangers carrying hopes and dreams
Some long forgotten, some still lingering within
Some looking forward to a bright future
And for some even today is grim.

There comes a little boy
His toy is broken, his eyes have tears
His childhood was locked in a dark room
Where there seemed no one to calm his fears.

A young girl comes insight
Not as beautiful as the ones, she follows
Though her beauty is innocent
Seems like the society sent her soul to the gallows.

Frustration is what the man is carrying
Of a broken home ,Neglected kids
And a mind that has strayed
The ground he dug to built his house
Has now become a cemetery for his grave.

A woman walks behind him
She's draped in loneliness, sorrows n regrets
Her life has been a nightmare
And the memory multiplies, the harder she tries to forget.

A walking stick as the only support
Is an old man, walking step by step
His children have disowned him now
After 60 years in his home, with unconditional love them he kept.

They all walk upto the old woman
N ask what she does waiting on the road
Is she waiting for someone who never came?
And listen to the words she repeatedly told.

Questions for all of you
Is what my little old heart has
Answer them to yourselves
N realize how light your mind will feel, after I've asked.

Don’t you have love in your life?
Or what you have is not enough?
Haven't there been smoother times?
Has the journey been always rough?

Have you not dreams to live for?
Has the past killed the future for you?
Don’t you have smiles to remember?
Or friendships that were rare and true?

Haven't you made someone's day?
Or with a touch, lessened another's grief?
Hasn’t your presence made a difference?
Or your silence comforted, when no one wanted to speak?

Have never you been out of your way?
For that little something, that meant a lot?
Didn’t you ever cry in somebody else's pain?
Or eased a mind, which like yours had clot?

If yes is your answer
To any of the questions above
It is for me to know and for you to realize
Apart from the worldly, you're blessed with god's love.

Remember, god never bestows upon us
Problems which we wouldn’t be able to solve
God trips us on the way up
So we learn to stand, after we fall.

Let hope, prayers and faith
Be in your life the guiding light
Be grateful for what you have
N not regret n long for, something which isn't insight

Be guided with your heart
Be earnest when you pray and look upto the skies
Circumstances may make you weak
But strength is in believing, hope never dies.

</BLOCKQUOTE>
(c) Supriya Gupta
New Delhi, India
February 23, 2001
Voltar ao Topo Ir em baixo
cjcmatos
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 195
Data de inscrição : 06/12/2009

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 8:05 am

Uauuuu

Poema lindíssimo. Profundo. Mexeu cá dentro. Obrigada Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rocana
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 465
Data de inscrição : 10/02/2011

MensagemAssunto: Re: O Dia "D" Qua Fev 16, 2011 8:48 am

Lindo! Obrigada!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: O Dia "D"

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O Dia "D"
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 8 de 9Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fórum Divórcio :: LIDAR COM O DIVÓRCIO :: O Processo de Divórcio-
Ir para: