divórcio, separação, filhos, apoio emocional
 
InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se    

Compartilhe | 
 

 Como ultrapassar a solidão

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1 ... 18 ... 32, 33, 34
AutorMensagem
sofia.oliveira.90857
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 77
Data de inscrição : 31/03/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qua Dez 10, 2014 8:56 pm

ola.

esta a chegar o natal ea data do aniversario do meu casamento... parece incrivel que nem uma ano estivemos casados...
tenho sentido uma solidao enorme, o mundo parece tao grande e eu sou uma formiguinha que ninguem repara...
sinto que a minha vida parou com esta separacao... nao tenho vontade de viver, de festejar a epoca natalicia... ainda nem a arvore de natal fiz e eu era sempre a primeira a a fazer...
a magoa, rancor que tenho dentro de mimanda a consumir me... tento deixar esses sentimentos para o lado mas nao consigo.
o meu filho de oito anos sente que a mae anda sempre zangada, sem paciencia. eu tento nao andar assim, juro que tento mas nao tenho forcas.
sinto me perdida, num pais que nem é meu... sem familia.
a pessoa que estva ao meu lado, o meu amigo, companheiro de 10 anos a pessoa que amava so me magoou, tortorou das piores maneiras... e mesmo depois de estarmos separados sinto que ele de certa maneira controla a minha vida pois continuo a sofrer devido a tudo o que se passou entre nos.
talvez seja a epoca natalicia, o aniversario de casamento que me fassa andar mais melancolica mas sinto me tao mal.
dou por mim a pensar que seria melhor viver ou morrer!! olho para os meus filhos e sinto me uma fraca por estes sentimentos me passarem pela cabeça. sinto uma hotario por ainda andar a sofrer, por deixar que a magoa, rancor controlem a minha vida.
nao sei como seguir em frente e deixar estes sentimentos para traz.:-(
Voltar ao Topo Ir em baixo
daniela pereira
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 173
Data de inscrição : 15/09/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qui Dez 11, 2014 2:59 pm

Olá Sofia.

Esta também é uma altura muito dificil para mim. Á precisamente um ano atrás estava a começar o meu martirio. Faz no dia 21 um ano que me foi oferecido um "par de patins". E dia 2 de Janeiro faz um ano que estou divorciada oficialmente. Sinto muito do que relatas também. E penso que seja normal. Mas também acho que passando este Natal e o Ano novo vai começar a ser mais facil. Todas as datas importantes já passaram e vai tornar-se menos doloroso. É o que sinto e espero que realmente aconteça...Tens que ter força e acreditar também. Sabes eu já á alguns anos que não ligava nada ao Natal. Acho uma época demasiado consumista e não conseguia estar feliz nesse dia porque pensava muito nas pessoas que não teriam um natal confortavel como o meu. Então, no Natal passado deixei de gostar de todo porque foi uma altura demasiado dolorosa. Mas este ano tentei voltar a trazes alguma alegria a esta epoca porque afinal continuam a existir pessoas que merecem isto, que merecem estar felizes nesta altura e que nós estejamos felizes tambem. Por isso temos que lutar para recuperar aos poucos. Sei bem que falar é facil. Tem dias que também acho que não vou conseguir, que vou voltar a cair, e caio. Mas tem outros em que algo ou alguem me faz querer erguer e entender que sou muito mais forte. Não é uma pessoa que me vai tirar a força. Tens de lutar. Sabes que vai ser dificil e que ainda vais tropeçar muitas vezes mas um dia, vais ver que as pedras no teu caminho começam a ser cada vez menos. Até lá finta as que puderes e se tropeçares em alguma levanta-te. No chão é que não podes ficar...

Um beijinho grande....
Voltar ao Topo Ir em baixo
sofia.oliveira.90857
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 77
Data de inscrição : 31/03/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qui Dez 18, 2014 2:16 pm

em primeiro quero agradecer pelas tuas palavras sei que tambem tens passado momentos dificeis na tua vida e mesmo assim desde um bocadinho do teu tempo para me tentares ajudar.
eu continuo a sofrer feita maluca, de uma tal maneira que por vezes acabo por me magoar para esquecer o dor emocial...
ja marquei um apontamento com o medico porque reparei que preciso de ajuda...
eu nao consigo aceitar esta situacao, no inicio foi mais facil do que agora e deveria ser o contrario.
ando completamente atormentada com esta separaçao.
emocionalmente estou completamente instavel, com medo de fazer algo me me venha arrepender...
sempre fui muito focada na vida e agora estou sem rumo. vivo porque tenho os meus filhos para criar...
bem nao sei mais o que dizer, queria desabafar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
daniela pereira
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 173
Data de inscrição : 15/09/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qui Dez 18, 2014 2:45 pm

Sofia, do pouco que eu sei, não há momento certo para recuperar. Não podemos dizer que era suposto ser mais fácil agora ou não. As pessoas são todas diferentes. E se pensares bem, se calhar agora é mais dificil porque começas a ter cada vez mais noção das coisas. Provavelmente as pessoas que te apoiaram no inicio começam a não estar tão presentes, a não se preocuparem tanto, o que é normal porque a vida continua...pelo menos para elas. Todos nós temos um tempo e é errado dizer que são 6 meses, 1 ano, 2 anos...ninguém sabe.
Em relação a procurares ajuda, acho muito bem. Se calhar já o devias ter feito. Eu procurei logo. Fui medicada com antidepressivos que entretanto já deixei. Ás vezes acho que se calhar ainda era cedo para os ter deixado...mas pronto.
Sabes, também continuo a ter os meus altos e baixos. Tem dias em que tudo volta e que me sinto como tu. E também eu pensei muitas vezes em fazer uma loucura. E sabes porque não o fiz? Porque tenho uns pais e um irmão que iam sofrer muito com isso. E não era justo para eles. Tu tens alguém mais importante ainda: os teus filhos. Sabes, muitas vezes me disseram quando me divorciei que tinha sorte em não ter filhos. Por um lado entendo mas por outro acho que quem tem filhos, tem uma motivação extra para se levantar e seguir em frente. Pensa nisso. Acho mesmo que é boa ideia pedires ajuda, não é vergonha nenhum.
Muita força linda, tudo vai passar, vais ver...
Voltar ao Topo Ir em baixo
analu
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2596
Data de inscrição : 12/01/2009

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Ter Jan 06, 2015 4:16 am

Meninas que ideia é essa de quererm deixar de viver por um gajo que ainda por cima não vos é nada????
Então eu já tinha morrido 3 vezes, porque já passei por 3 separações e sofri o diabo em cada uma delas, porque acreditei sempre que eram o "tal" e afinal não foram. Mas passado o tempo normal de bater com a cabeça na parede, penso sempre que eles é que perderam porque eu sou uma gaja excepcional (hihihi) e por isso raios que os partam se foram embora.
E é assim que voçes tem de pensar tambem. Valorizem-se, amem-se em primeiro lugar, não coloquem nenhum gajo acima de voçes e do vosso amor proprio.
Entao existem maes que superam a morte dos filhos e voçes pensam em desistir por alguem que nem é do vosso sangue??? Ganhem auto estima, procurem ajuda especializada, serenem o espirito, atinjam a paz e tudo o mais virá ao vosso encontro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
daniela pereira
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 173
Data de inscrição : 15/09/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Ter Jan 06, 2015 10:25 am

Olá Analu
Não vou mentir, de facto pensei muito em deixar de viver. E digo que só não o fiz pela minha familia pois nao achei justo que eles sofressem por causa disto. Se calhar não temos todos a mesma força para enfrentar as coisas. Agora, passado um ano já não penso em deixar de viver. Sinceramente quero é começar a viver. Não esqueci o que aconteceu, ainda sofro, mas a cada dia acho que se torna um pouco mais "suportável". Vou-me abaixo em determinadas ocasiões, como quando sei alguma coisa sobre ele por exemplo. Não digo que não sofro por saber que ele refez a vida com alguém, que está feliz, veio passar cá o Natal, ficou na casa que era minha, na cama que eu escolhi para nós...esse tipo de coisas. Mas acontece também que cada vez se torna mais um estranho para mim e que penso que de facto não é a pessoa certa e tem muitos defeitos e coisas más que eu desconhecia. E isso leva-me a querer seguir em frente, embora, por vezes ainda caia pelo caminho. Talvez eu e a Sofia sejamos um bocadinho mais "lentas" a erguer-nos. Mas eu acredito que havemos de lá chegar. Devagar, devagarinho...

Um beijinho ás 2...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Recem Solteira
.
.


Feminino
Número de Mensagens : 5
Data de inscrição : 26/01/2015

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qua Jan 28, 2015 11:33 am

Olá a todas. Não consigo achar que pensei em deixar de viver, mas sou capaz de escrever que em um qualquer momento se tivesse de lutar pela vida era capaz de não ter motivação. Viver requer motivações e cheguei a um ponto em que só penso em sobreviver. O facto de não ter filhos retira a responsabilidade de lutar pela vida.

Ultrapassar sentimentos terríveis de traição, desilusão, de mau investimento de tempo e de esforço, é muito difícil.

Assumo também que sou lenta a ultrapassar estes maus momentos. E Daniela quando li os teus sentimentos de haver alguém na casa que construíste para ti, revi os meus. É terrível construir algo com amor para outros usufruírem sem dar valor. Pequenas coisas tornam-se gigantes!!

Quanto ao tópico da solidão, ando a considerar todas as ocupações e mais algumas para os momentos depois do trabalho e fins de semana.

Para durante a semana, os meus amigos disseram para ir para um ginásio, tem a vantagem de me por em forma e sentir-me bem psicológica e fisicamente. E eu acho que tenho de me por em forma para gostar do que vejo ao espelho, o problema é que acho os ginásios caros, e sou preguiçosa para ir.

Outra actividade para durante a semana que encontrei foi aulas de dança. Comecei com aulas de kizomba e estou a gostar. Infelizmente sinto-me das mais velhas da aula, mas tento ignorar esse facto.

Que tal me sugerirem mais ocupações? Preciso de conselhos sábios de quem passou ou estar a passar por uma separação. Por favor dêem-me ideias porque sei que se não me ocupo vou-me isolar em casa a olhar para a TV e a ter pensamentos negativos. Para quem não sabe não tenho filhos e os meus amigos para além de estarem casados têm as suas famílias, portanto chego ao final do dia e sinto-me completamente sozinha. Ah resta dizer que trabalho e moro em Lisboa. Não estranhem esta minha atitude mas quero desesperadamente combater o negativismo que venho a viver.


Voltar ao Topo Ir em baixo
daniela pereira
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 173
Data de inscrição : 15/09/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qua Jan 28, 2015 2:07 pm

Olá Recém solteira (tens que nos dizer o teu nome, este não vai ser sempre adequado Smile )
Pelo que vejo das atividades em que te estás a envolver acho que estás no caminho certo. Mas claro que nada passa de um dia para o outro, e é claro que quando voltas para casa sentes-te novamente sozinha e desamparada. Mas é mesmo assim. Não há tempo certo para ultrapassar. Continua a tentar ocupar-te ao maximo. Eu dediquei-me muito ao ginásio, zumba, ás vezes corro. Estou a investir na minha imagem, para me sentir melhor comigo mesma. Ainda assim não chegava e quis ocupar mais ainda o tempo. Arranjei um part-time ao fim de semana. Agora trabalho 7 dias por semana. tenho o meu emprego de 2ª a 6ª e ao fim de semana (incluido 6f á noite) trabalho num restaurante. Eu acabei por tomar esta decisao porque é meu plano a medio prazo ir viver sozinha e só com o dinheiro que ganho no meu emprego era dificil conseguir juntar dinheiro para isso. Além disso, tenho um problema parecido com o teu: os meus amigos estão quase todos casados ou a viver em uniao de facto, alguns já tem filhos e eu acabo por não estar bem "enquadrada". Não tinha muito com quem sair, ir até um bar ou assim. então decidi ocupar o tempo com algo que me possa ser util. Mas olha, se não precisares assim tanto do dinheiro, não te aconselho a fazeres o mesmo. É muito dificil trabalhar assim. Faço cerca de 75h por semana. Só ao fim de semana ( de 6ª a domingo sao quase 35h). Não tenho tempo para quase mais nada alem do trabalho e do ginasio. A minha vida social está muito limitada. por vezes até penso que não foi uma boa decisao pois desta forma é muito dificil eu conhecer pessoas novas e coisas do genero. mas por outro lado estou focada num objetivo que quero mesmo muito: independencia total, a minha casa, o meu espaço. E isso está a fazer-me muito bem. Talvez seja o que tu precisas tambem, um objetivo assim, grande e dificil, mas que te de entusiamo.

Em relação á questão dos filhos, eu também nao os tenho e muitas vezes ouvi gente me dizer que era melhor assim. Eu ás vezes penso o contrario, os filhos são uma motivação extra para termos vontade de nos erguer-mos e de viver. Mas também por outro lado entendo quando as pessoas dizem que pelo menos assim temos mais liberdade e podemos fazer muitas mais coisas. Pensa por este lado também. é o melhor.

Eu sou do norte, Santo Tirso no Porto.

Um beijinho para ti. Força
Voltar ao Topo Ir em baixo
sofia.oliveira.90857
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 77
Data de inscrição : 31/03/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Sab Jul 04, 2015 1:59 pm

Ola a todos.

ja algum tempo que nao venho reclamar da vida o que é bom sinal. ;-)
mas estou agora a apassar por um mau bocado. estou sozinha, os meus filhos vao passar 3 semanas com o pai( ferias).
sinto uma solidao tremenda, uma tristeza que me esta a levar novamente a baixo :-(
é a primeira vez que vou estar tanto tempo separada dos meus filhos e esta a ser dificil...
vou trabalhar o  mais que poder para nao pensar tanto mas a noite assusta me pois venho para uma casa vazia, silenciosa!
como fizeram para ultrapassar estes momentos?
eu sei que muitos vao dizer para eu aproveitar estas ferias para me destrair, divirtir mas vos garanto que nao tenho a minima vontade de o fazer! sinto saudades dos meus filhos, muitas saudades! aaa2
Voltar ao Topo Ir em baixo
daniela pereira
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 173
Data de inscrição : 15/09/2014

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Ter Set 01, 2015 4:20 pm

Olá Sofia, espero que já andes mais animada. Estive ausente do forum nos ultimos dois meses e nao te consegui responder.

Beijinho. E ve se arrebitas :-)
Voltar ao Topo Ir em baixo
aninhas
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 838
Data de inscrição : 02/11/2009

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Ter Set 15, 2015 6:11 am

Olá Sofia. Custa muito passar as férias sem os filhos, chegar a casa, e encontrar aquele silêncio ensurdecedor, se custa... Mas vais ultrapassar isso, o tempo é o nosso melhor aliado. Ando nisto à 6 anos, e cada vez é mais leve. Já aqui não vinha à imenso tempo, hoje lembrei -me, talvez por andar mais em baixo. Força Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Admin
Admin
Admin
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 872
Data de inscrição : 13/06/2008

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qua Set 16, 2015 11:02 am

Pois é, Sofia...As primeiras vezes sem os filhos não são fáceis mas a boa notícia é que, com o tempo, uma pessoa reaprende a estar sozinha e vai chegar uma altura em que até fica grata por esses momentos, acredita! Aproveita para fazer coisas que gostas e que, entretanto, tinhas deixado de fazer por falta de disponibilidade; reaprende a cuidar de ti, retoma ou inicia um hobi... Deita-te no sofá às escuras a ouvir música clássica, ou liga uma música alegre e dança sozinha até cair; enche a banheira de espuma, acende uma vela e medita... É tão bom ter tempo para nós! É também uma boa ocasião para, por exemplo, reatar velhas amizades. O mais importante de tudo é ocupar o tempo (e se for de forma produtiva, melhor ainda) para não estar sempre a pensar nas crianças. Elas estão bem e daqui a nada voltam. Aproveita e relaxa!Wink)

aninhas, "um bom filho, à casa torna". Bem vinda de volta!
Voltar ao Topo Ir em baixo
lucia morais
.
.


Feminino
Número de Mensagens : 9
Data de inscrição : 01/02/2016

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Ter Fev 02, 2016 4:39 am

Custa, doi, temos que seguir...mesmo que seja dificial. Mas a solidão mata.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Helena Scheffel

avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1
Data de inscrição : 16/11/2016

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qua Nov 16, 2016 3:08 pm

ja estou divorciada a 5 anos, e não consigo retomar minha vida. tenho 64 anos, fiquei casada por 36 anos, e agora sozinha tenho medo de tudo. Tenho medo de não conseguir pagar as minhas contas, medo de não conseguir resolver os problemas normais da vida como ter um carro e ele estragar, e etc. Me sinto feia, e maltratada, não consigo sair para ir ao cinema, á praia, ou a qualquer passeio. Sempre estou sozinha, e triste. Não consigo achar graça em nada, nem em comida de restaurantes. Moro num apto minúsculo com duas cachorras que são as minhas unicas companhias. Não sei mais o que fazer, ja procurei psicólogos mas parece que não consigo raciocinar em linha de pensamento nenhum. O que devo fazer?
.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Admin
Admin
Admin
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 872
Data de inscrição : 13/06/2008

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Qui Nov 17, 2016 7:58 am

Olá Helena,antes de mais, bem-vinda!

O tempo de recuperação após um divórcio é em média, segundo a maioria dos especialistas, de 3 anos. Porém, dependendo de alguns fatores, o processo pode ser mais ou menos longo. No seu caso, atendendo à duração do relacionamento (36 anos), ao facto de não ter apoio familiar e também à idade, é normal que essa "recuperação" possa ser mais longa e difícil.

Aquilo que descreve sentir é comum, dadas as circunstâncias. O que não significa que tenha que ser aceite e assimilado como se fosse uma fatalidade. É importante a ajuda de um terapeuta para compreender se existe algo relacionado com esse relacionamento/separação que esteja a interferir com a sua forma de encarar a vida agora. É importante essa ajuda, essa tomada de consciência para seguir em frente.

De resto, a verdadeira mudança está nas suas mãos. Há um longo trabalho de casa que deve fazer. A Helena não se sente confortável nessa nova forma de estar na vida pelo que deve perguntar-se porquê e o que pode fazer para alterar essa realidade. Cultivar a autoestima é importante, mas leva tempo e não surge do nada.

Compreendo que quando se está em baixo seja difícil tomar decisões ou sentir entusiasmo para fazer seja o que for, mas difícil não é impossível. São pequenos passos, pequenas conquistas que ajudam à reconstrução; é o arranjar-se sempre como se estivesse de saída para um encontro importante; é o ir ao cinema mesmo sozinha (desde que o filme não seja lamechas, só custa a primeira vez); é o conviver com pessoas seja de que forma for (pode, por exemplo inscrever-se para voluntariado); é o ter a casa sempre arranjada como se fosse receber visitas... e por aí.

Em suma, tem que ir construindo um novo percurso, adquirindo novas rotinas, novos comportamentos que terão que ter por base o aprender a relativizar.

O carro avariou e não há dinheiro para o mandar à oficina? Paciência. O carro que espere. Há coisas mais importantes para tratar agora. E o importante é sentir-se bem consigo mesma.

Já o feio e maltratado é ainda mais relativo. Cuide de si. A imagem que vender de si é aquelas que os outros irão comprar, nunca se esqueça!

Força, Helena! Estamos aqui.
Voltar ao Topo Ir em baixo
agostinho
.
.


Masculino
Número de Mensagens : 8
Data de inscrição : 12/01/2012

MensagemAssunto: Olá... Dom Nov 20, 2016 11:28 am

Olá pessoal...
Tá aí alguém, agora? Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
CRA



Masculino
Número de Mensagens : 1
Data de inscrição : 23/01/2017

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Seg Jan 23, 2017 6:10 am

Olá a todos,

Bem vejo que não existem aqui muitos comentários recentes. No entanto queria ter algum sítio onde pudesse deixar um pouco do que levo comigo para todo o lado. Sou um recém-divorciado. Digo recém e não é bem a definição para a maioria das pessoas, uma vez que já sai da casa que ajudei a construir quase à 11 meses. No entanto, se tivesse de utilizar um rótulo, colocaria ainda o recém. Porque é assim que o sinto.

Já tive meses e meses para pensar em tudo, analizar, deduzir, sentir, tentar compreender, aceitar, rejeitar. E no entanto, quase que me sinto hoje no mesmo sítio emocionalmente que sentia no dia em que tive de tirar tudo em caixas de cartão. Como os que sofrem por não conseguir pagar uma renda e são despejados, já que o banco só quer saber da mensalidade e não se preocupa com os sentimentos de quem ali mora, eu também fui "convidado" a sair com todos os pertences previamente arrumados.

É interessante pensar naquele momento da saída, e como duas pessoas que estiveram anos a construir algo em conjunto, olham para o mesmo evento com um sentimento diferente. Mas deve ser por isso que somos todos diferentes e vemos o mundo de maneira distinta. Pensava que nao iria conseguir sobreviver a tudo. No entanto ainda aqui estou, mal ou bem, para contar a história. Queria deixar de me sentir um falhado. Só porque falhei uma vez não sou um falhado certo? Então porque é que não consigo afastar esse sentimento? E como é que faço para não dar importância aos outros? São todos bem intencionados, mas a verdade é que a maioria dos meus amigos tem aquela atitude de "ainda a falar do mesmo?" ou de dizer "isso depois passa.". Sim, eu sei que passa. Nem que demore 20 anos passa. Mas estar sempre a dizer isso não acelera o processo.

Sinto que a maioria das pessoas não consegue entender aquilo que eu estou a passar. Ou nao concebem porque é que eu agora nao faço é por aproveitar a vida. Dizem as simpatias do costume, ou oferecem as frases feitas de como agora é que eu estou bem e tenho é de gostar de mim. Que tem de ser. Eu sei que sim. É um sentimento de perca de indentidade como nunca senti até aqui. De um vazio que por vezes parece nem ser suplantado pela morte de alguém. Mas ainda assim tem de ser.

Estranhamente, não deixei de fazer coisas que gostava depois de me casar, consegui sempre conjugar tudo muito bem. Curiosamente, é agora que não encontro o gosto de as fazer, como sempre fiz. Durante este tempo, não me atrevi a tirar férias no trabalho. Ajuda ter de acordar todos os dias para ir para o mesmo sítio e ter outras coisas na cabeça além do mesmo de sempre. Mas e os longos fins de semana?

Obrigado pelo espaço para poder deixar aqui estas notas.
CR
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rui Nunes
.
.
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 410
Data de inscrição : 28/02/2011

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Seg Jan 23, 2017 8:50 am

Olá CR
Por mais que nos possamos deixar levar pelas frases feitas, que muitas até fazem sentido, só quem vive o momento é que entende se estas se encaixam na nossa realidade.
Não te vou dizer que isso passa, porque não passa, apenas aprendemos a viver com isso. Não é uma falha, nem és um falhado, simplesmente as coisas aconteceram no sentido que não tinhas previsto.
É verdade que um dos tratamentos que todos receitam é redescobrir o umbigo e seguir em frente. Mas para alguns não é fácil o arranque, não é fácil o começar de novo, quando o novo já começou e já não volta.
Não há começar de novo, há o fazer daqui para a frente.
Muda os teus fins de semana. Se te parecem longos é porque os estás a viver de forma errada.
Eu, antes pelo contrário, queixo-me de não ter fins de semana. Assim que começam, já terminaram e não dei conta de metade do tempo passar (e não é que os esteja a gastar da forma certa).
Se o início deste ano não correspondeu às tuas expectativas, faz-te de desentendido e aproveita que o novo ano chinês agora mesmo iniciou e é o teu ano (o ano do Galo).
Arranja uma actividade fora do teu espaço habitual, se tens tempo de sobra, vai dar uma volta, vai andar de carro para um lugar que não conheces e vai tirar fotografias, vai ouvir música, vai apanhar com uns raios de sol ou fazer uma caminhada de uns quantos quilómetros. Convida alguns amigos para uma actividade e se tiveres alguém com quem possas contar para desabafar, não te acanhes, porque faz bem desabafar. Se for preciso, fá-lo aqui, com estranhos que muitas vezes se tornam um amparo e um local de racionalização.
Desde 2011 que por aqui ando, seja para procurar ajuda, seja apenas para deixar algo escrito que possa fazer sentido a alguém.
Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sandra Lua
.
.
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 1772
Data de inscrição : 19/05/2013

MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão Ter Fev 21, 2017 8:45 am

Olá CR, espero que estejas bem.
Descansa que todos passámos pelo que tu passas... Eu considero-me uma história de sucesso, por isso, para mim neste momento falar é fácil. Não entendo o que sentes nem nunca entenderei, isso é teu. E só tu conseguirás ultrapassar esse sentimento, caso queiras... Mas também te digo, demora o tempo que precisares. O luto é muito importante, para que possas passar a ver a vida com os olhos que ela hoje merece.
Acredito que quando pensamos que a vida nos tira algo, ela realmente nos está a dar algo em troca, e muitas vezes em dobro ou em triplo.
Também eu por aqui passei há 4 anos, de rastos, sem identidade, e nessa altura uma tia disse-me a "vida fecha uma porta e abre-nos um portão, só precisamos de o ver". E comigo foi assim. Esbarrei com um "portão" neste forum, e construí uma "casa" com ele!

Sê fiel a ti próprio e continua a fazer as coisas que gostas. Descobre-te nesta nova vida, descobre quem és agora e continua a lutar cada dia. No fundo é o que todos fazemos, sempre. E não cedas à apatia...

Qualquer coisa, estamos por aqui
Bj e força
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Como ultrapassar a solidão

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Como ultrapassar a solidão
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 34 de 34Ir à página : Anterior  1 ... 18 ... 32, 33, 34

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fórum Divórcio :: LIDAR COM O DIVÓRCIO :: Períodos pós-divórcio-
Ir para: